Perda Auditiva

Perda ou deficiência auditiva

Perda ou deficiência auditiva

A deficiência auditiva é a redução ou perda total da audição, provocada geralmente por traumas mecânicos (acidentes de trânsito, perfuração causada por um objeto, etc), pela exposição a barulho excessivo e por doenças congênitas e/ou adquiridas. Na maioria dos casos, a perda auditiva é gradual e indolor, muitas vezes desenvolvendo-se tão lentamente que quase não se nota. Pode ser classificada em condutiva, neurossensorial ou mista.

 

A perda auditiva condutiva é causada por um problema localizado no ouvido externo e/ou médio que tem por função "conduzir" o som até o ouvido interno. Geralmente são perdas reversíveis que necessitam de cuidados médicos.

 

A perda auditiva neurossensorial é aquela que afeta a percepção dos sons e consequentemente das palavras. Nesse caso, o problema não está na "condução" do som e sim na diminuição da capacidade de recebê-los. O local da lesão encontra-se na cóclea e/ou VIII par.

 

Já a perda auditiva mista é aquela que apresenta lesão simultaneamente na cóclea e/ou VIII par e na orelha média e/ou externa.

               

Se costuma pedir para repetir o que lhe é dito, se tem dificuldades em seguir uma conversa num ambiente ruidoso (restaurante, bar, reuniões de familia etc), se é habitual ter a sua televisão num volume alto, ouve as palavras mas não as consegue perceber, esses são geralmente sintomas que, na maioria das vezes, estão relacionados com a perda auditiva.

 

Ao perceber um ou mais destes sintomas, marque uma consulta e faça um teste auditivo. Elimine essa dúvida!